Imagem da aplicação SIGARRA
This Page in English Saltar para: Menu Principal, Conteúdo, Opções, Login, Atalhos. Autenticar-se Validar-se
Centro de Documentação e Informação
Você está em: Início > Cursos > Disciplinas > LECMP1111

Cursos

Psico - Sociologia das Organizações

Código: LECMP1111    Sigla: PSO

Ocorrência: 2010/2011 - 2S

ECTS: 6   Créditos: 6
Secção: Ciências Sociais

Cursos

Sigla Ano Curricular Nº de Alunos
LECMP1 29

Horas

Horas

Teórica-Práticas: 4   Atendimento a alunos: 4  
Tipo Docente Turmas Horas
Teórica-Práticas Totais 1 4,00
LIA PAPPÁMIKAIL   1,00
Sónia Galinha   1,00
Atendimento a alunos Totais 1 4,00

Responsabilidades

Docente Responsabilidade
Joao Manuel Grossinho Sebastiao Responsável

Língua de Ensino

Português

Objetivos de aprendizagem
(conhecimentos, aptidões e competências
a desenvolver pelos estudantes)

A disciplina de Psico-Sociologia das Organizações está concebida de modo a constituir uma introdução aos métodos, conceitos e teorias que procuram explicar a actividade desenvolvida pelos actores sociais e organizacionais. O objectivo é estudar de que forma é que as características dos actores sociais (individualmente ou em grupo) podem influenciar as organizações e de que modos são influenciados por ela. Tem como finalidade contribuir para o desenvolvimento de competências de análise da realidade humana, entendida como uma realidade que se constrói na relação com os outros em contextos sociais, sujeitos por sua vez a dinâmicas singulares, multidimensionais e multimodais. Pretende, igualmente, fornecer aos alunos os conceitos básicos indispensáveis à compreensão do comportamento humano em contexto de comunicação grupal e organizacional, tendo em vista, na aplicação de tais conhecimentos promover a compreensão dos fenómenos de grupo e do sujeito enquanto elemento de um grupo e melhorar a eficácia organizacional.

Pretende-se facultar aos alunos quadros teóricos de referência para análise do comportamento social, especialmente aqueles que tenham incidência no quadro organizacional: atitudes, processos grupais e intergrupais; o recurso a métodos de observação rigorosos e os instrumentos de análise adequados à identificação e medida dos fenómenos abordados. Neste âmbito elegem-se os seguintes objectivos:

- Analisar as origens do pensamento psicossociológico na segunda metade do Século XIX;
- Consolidar a evolução da Psicologia Social como disciplina científica independente;
- Compreender a Psicologia Social actual: cognição social, mecanismos de influência e processos de mudança;
- Aprofundar os processos sócio-organizativos valorizando a importância dos grupos nas organizações;
- Consciencializar e promover a compreensão dos fenómenos de grupo;
- Compreender que a personalidade é um produto dinâmico em que intervêm diferentes factores;
- Aprofundar conhecimentos no âmbito das teorias da motivação;
- Compreender as teorias da liderança;
- Consciencializar para a importância da gestão do conflito para a relação intra e interpessoal;
- Desenvolver conhecimentos sobre a cultura e o clima organizacional;
- Abordar os novos desafios formação e da qualificação dos recursos humanos rumo à sociedade cognitiva.

Conteúdos programáticos

I - Introdução à Psicossociologia das Organizações
1. Objecto e história da Psicologia
2. Objecto e história da Sociologia
3. A evolução da Psicologia Social como disciplina científica independente
4. A Psicologia Social actual: problemas, métodos e técnicas de investigação
5. Aplicações da Psicologia Social

II - Processos pessoais e interpessoais
1. Cognição e pensamento social
2. Percepção e atenção
3. Categorização e representação do conhecimento social
4. Aprendizagem
5. Memória
6. Linguagem
7. Pensamento e raciocínio
8. Cognição e emoção

III - Self e relações interpessoais
1. Determinantes do desempenho individual: o efeito da presença de outros no comportamento individual
2. Self e estratégias de auto-apresentação
3. Motivação, satisfação e regulação social das emoções
4. Comunicação interpessoal
5. Atracção, relações íntimas e sexualidade
6. Agressão e altruísmo

IV - Mecanismos de influência e processos de mudança
1. Os processos de influência social
2. Papéis sociais, atitudes, mudança de atitudes e persuasão
3. Percepção das pessoas e processos de atribuição causal
4. Estereótipos, preconceito e discriminação
5. Valores sociais e ideologias
6. Formação de normas
7. Expectativas
8. Conformismo
9. Obediência
10. Inovação e influência das minorias

V – Paradigmas da Psicologia Social
1. A Psicologia Social Europeia e Americana
2. A organização interna do grupo (estruturas formais e informais)
3. O grupo, funções, factores de eficácia e crescimento

VI – Personalidade e Relação Interpessoal
1. A teoria psicanalítica de Freud e a teoria psicossocial de Erikson
2. A teoria da aprendizagem social de Bandura
3. A teoria fenomenológica da personalidade de Rogers; a teoria de auto-realização de Maslow e a teoria das necessidades psicológicas de Murray
4. A teoria dos traços de personalidade de Eysenck
5. A gestão do conflito

VII – Teorias da motivação
1. Teorias da Motivação segundo Cannon e Claude Bernard;
2. Teorias de Mc Dougall, Maslow e de Henzerberg,
3. Teoria Mc Clelland
4. Teoria de Mc Gregor

VIII – Teorias e modelos em liderança
1. Carlyle e Lindzey
2. White e Lippitt e de Likert
3. Blake e Mouton
4. Fiedler

IX – Questões emergentes do Sistema Aberto na Sociedade Cognitiva
1. A cultura e o Clima Organizacional
2. Novos desafios formação e da qualificação dos recursos humanos rumo à sociedade cognitiva
3. Introdução ao estudo da inteligência emocional e do bem-estar subjectivo de Seligman
4. O conhecimento organizacional segundo Nonaka e Takeuchi

Metodologia de ensino (avaliação incluída)

Componente teórica usando o método expositivo, complementada com componente prática usando estratégias de exposição participada, estudos de caso, exemplos práticos e trabalhos individuais ou de grupo. De acordo com os objectivos da disciplina, a metodologia consistirá na exposição teórica dos conteúdos programáticos e na análise e discussão de textos de apoio. O programa da disciplina encontra-se dividido em módulos e será leccionado por dois docentes.


Modo de Avaliação

Componentes de Avaliação e Ocupação registadas

Descrição Tipo Tempo (horas) Data de Conclusão
Aulas da disciplina (estimativa)  Aulas  104
  Total: 104

Bibliografia

O sistema de avaliação da disciplina baseia-se na avaliação contínua. Este modelo de avaliação pondera os trabalhos teórico-práticos desenvolvidos pelos alunos.

Cálculo da Classificação Final

Serão considerados em avaliação contínua os alunos que realizem um teste individual, escrito e presencial que incide sobre a globalidade dos conteúdos programáticos (50%), a elaboração de uma resenha (25%) e a realização de um trabalho de pesquisa temática com apresentação oral (25%). A ponderação dos trabalhos realizados em grupo é efectuada desde que o aluno atinja um mínimo de oito valores na avaliação escrita individual presencial (frequência).

Provas e Trabalhos Especiais

A participação activa nas aulas é considerada imprescindível. Precisando alguns aspectos, entende-se por participação nas aulas: assiduidade, pontualidade, atenção e desempenho face às tarefas propostas, cumprimento de regras sociais que facilitam o trabalho em grupo e o trabalho individual, ou seja, respeito pelos colegas e cooperação.

Recomendar PáginaRecomendar Voltar ao TopoVoltar ao Topo
Copyright 1996-2014 © Instituto Politécnico de Santarém - Escola Superior de Educação I